sexta-feira, 17 de julho de 2009

Policiais pagãos

Três jornais virtuais noticiaram que no Reino Unido os Policias Pagãos estão formando grupos de apoio e se organizando para conseguirem permissão para celebrar suas datas religiosas: o Daily Express, o The Sun e o Metro.
Até aí, não parece nada de mais, afinal policiais são humanos e, como qualquer pessoa, tem suas crenças e precisam expressá-las. O problema começa quando essa associação pode vir a receber verba pública.
Enquanto os policiais eram cristãos e celebravam cerimônias e datas religiosas cristãs não havia problema algum, mas como agora os que optaram pelo Paganismo querem simplesmente o mesmo tratamento, são criticados, como foi feito pelo Daily Mail [imagem tirada da charge]. A imagem não podia ser mais explicita para dar a idéia que fazem sobre o Paganismo, sua crença e suas celebrações. Eu escrevi aqui sobre como a visão social tende a ser preconceituosa, discriminadora e intolerante diante de algo que não se encaixa nos padrões convencionados. Eu também devo ter algum tópico falando de como a sociedade tende a proteger a religião ou a ignorar os absurdos cometidos pela mesma quando esta é a "socialmente aceita".
Os Policiais Pagãos no Reino Unido apenas querem o que qualquer pessoa que segue uma religião pede do Estado, que seja do seu direito e não prejudique o direito de outrem ou a função que ocupa que é o reconhecimento de sua religião, a permissão para observar suas datas sagradas e a proteção legal.

Nenhum comentário: