sábado, 7 de março de 2009

Festival Anual na Tailandia

Em um templo budista em Wat Bang Prat ocorreu o festival anual de tatuagens mágicas, chamadas de yantra ou de sak yan, imagens sagradas e religiosas que são símbolos de meditação e adoração.
As marcas incluem simbolos antigos desenhados da caligrafia e numerologia e ilustrações de animais e personagens míticos.
Alguns homens tem tatuagens cobrindo a maior parte de seus corpos, atravessando seus ombros, subindo por seus pescoços e descendo por seus braços.
Os homens dizem ser possuidos pelos espiritos das tatuagens durante a cerimonia. Diversos serviçais dos templos ficam ocupados em controlar os homens enquanto eles entram em um estado de transe, mas às vezes os espectadores são pegos na confusão.
Os monges na provincia de Nakhon Pathom tem tatuado as pessoas por séculos. O procedimento permanece tradicional, com os monges usando longas agulhas para desenhar na pele dos candidatos.
Juntamente com as tatuagens vem uma lição especial dos monges sobre como cuidar do "animal espiritual" colocado no símbolo e como a tatuagem de cada pessoa pode protegê-las de lesões.
Muitos Tailandeses acreditam que as tatuagens sagradas podem evitar da má sorte e proteger seus usuários de perigos. As lendas dizem que guerreiros tailandeses tinham tatuagens para protegê-los das espadas inimigas.
Um homem na cerimônia disse que seu animal espiritual cuida dele todos os dias e ele crê que sobreviveu de um grave acidente de carro pr causa de suas tatuagens.[absolutely Bangkok]
Infelizmente o fato só foi noticiado pela Imprensa Brasileira não pelo seu valor cultural, mas por alguma característica considerada pitoresca em nosso estúpido preconceito provinciano.

Nenhum comentário: