quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Reunião de Bruxas

Convite!

PARTICIPE CONOSCO NESTE DIA ESPECIAL, QUE NÃO SERÁ APENAS O LANÇAMENTO DE UM LIVRO, MAS SERÁ TAMBÉM UMA REUNIÃO DE BRUXAS!
VOCÊ PODE VIR Á CARATER, EU ESTAREI...HEHEHE, MINHAS AMIGAS TAMBÉM...HEHEHE, E SERÁ UMA NOITE INESQUECÍVEL!
EU VOU ESTAR TE ESPERANDO ÁS 19HS NA LIVRARIA NOBEL DO SHOPPING TATUAPÉ, EM SP.
AHHHH...RSRSRS, VOCÊ NEM TEM NADA DE TÃO IMPORTANTE ASSIM PARA FAZER NA SEGUNDA FEIRA DO DIA 31 DE OUTUBRO, NÃO É MESMO? ENTÃO LEVE SEUS AMIGOS!!!!
VAMOS AUTOGRAFAR SEUS LIVROS, NOS CONHECER PESSOALMENTE, QUEIMAR SEUS DESEJOS SECRETOS NO GRANDE CALDEIRÃO DAS BRUXAS E NOS DIVERTIR. VOCÊ TAMBÉM IRÁ LEVAR PARA CASA UMA LEMBRANCINHA ESPECIAL MINHA.
ESTAREI TE ESPERANDO, VIU? VÊ SE APARECE, POIS EU NÃO POSSO LEVAR TODO
AQUELE CARREGAMENTO DE VINHO DE VOLTA PARA CASA...HAHAHAHA
PS: É VINHO ENCANTADO DAS BRUXAS!
UM GRANDE BEIJO,
VAN...
Quibado do blog: Vanessa de Oliveira
Notícia do Meia Hora Online:
Lançando livro sobre religião, Vanessa de Oliveira conta que achava que ia pro inferno e que rezava enquanto fazia sexo com clientes
A escritora internacional e ex-garota de programa Vanessa de Oliveira lança seu quinto livro, Reunião de Bruxas - O Livre Arbítrio é Sagrado, que aborda religião e traz detalhes curiosos da sua vida sexual, como já ter transado com padres e pastores.
Vanessa afirma que sempre foi religiosa. "As pessoas pensam que alguém ligado ao sexo está alienado do mundo espiritual. Garotas de programa acreditam em Deus também. Neste livro, eu faço uma reflexão sobre Deus. Todos têm uma missão, mas depende de você. Deus não julga e não determinou que eu fosse garota de programa. Foi escolha minha", diz a escritora.
Achava que ia para o inferno
Durante seus cinco anos na prostituição, Vanessa teve como clientes padres e pastores. "Fiz vários programas com alguns padres e pastores, nem por isso eles eram pessoas ruins. Muitos líderes religiosos não têm conduta exemplar. Eles sentem o chamado de Deus e fazem os votos. Mas não têm experiência sexual e necessitam de sexo. Lá dentro da igreja, eles veem que o celibatário é uma bobagem. O mais importante é o trabalho na igreja, não se eles fazem sexo. Muitos acabam contratando garotas de programa", conta ela, que sofreu crises existenciais e achava que iria para o inferno. "No primeiro ano de trabalho, eu me julgava e achava que ia para o inferno por fazer programas. Todas as vezes que procurei a igreja, a porta estava fechada, porque passava das 18h. O que me trouxe alívio foi o livro de espiritismo de Allan Kardec", lembra.
‘Rezava transando com os clientes'
Vanessa de Oliveira não se considera pecadora porque foi garota de programa. "Não sou pecadora por isso. Tenho outros pecados. Toda mulher que gosta de sexo reza. Quantas vezes eu rezava para mim transando com os meus clientes. Eu rezava Pai-Nosso e Ave-Maria ou contava 1, 2... Ou contava quanto de dinheiro tinha conseguido naquele dia e o que eu iria comer quando eu saísse dali. Era só o meu corpo que estava ali", conta ela, que teve um cliente dentista que gostava de se vestir de padre e outro, médico, que fingia ser ele a freira e ela o padre.
O livro narra o encontro de cinco bruxas através dos séculos com a missão de revelar as leis universais da magia. O lançamento será no próximo dia 31, Dia das Bruxas, em Sampa.
Autora: Valéria Souza
Bruxos e bruxas, compareçam!

Nenhum comentário: