quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

A porta secreta para o Eden

O documentário "Sexo, a Porta Secreta para o Éden" foi feito por uma instituição gnóstica baseada nos ensinamentos do Mestre Samael Aun Weor fala sobre a Magia Sexual, o Arcano AZF, o Grande Arcano da Magia.
O Mestre Samael publicou sobre tal assunto pela 1ª vez nos idos da década de 50 através de livros tais como O Matrimônio Perfeito e a Revolução de Belzebu, dando origem a mais de 70 obras escritas pelo Mestre. Quando publicou tais obras falando abertamente de sexo e espiritualidade foi preso, acusado de atentado ao pudor e coisas do gênero.
De lá para cá muita coisa já aconteceu e o ensinamento precisa ser atualizado. Especialmente nos seguintes pontos:
1 - um ensino mais voltado para a prática de transmutação sexual para as mulheres, pois o foco do ensinamento está todo no homem, como perceberão no documentário.
2 - uma linguagem mais objetiva, sem julgamentos de valor derivados da religião, onde conceitos como pecado e inferno impregnam o imaginário popular de uma forma muito negativa, pois assentam-se em culpa e medo.
3 - a coragem de criticar o trabalho de um homem tido como mestre, a partir da própria experiência com o ensinamento, reconhecendo que mesmo os mestres cometem erros, pois o próprio Mestre Samael teve a coragem de dizer que a maior parte de suas obras estavam cheias de erros, pois ele escrevia a medida que seu nível de consciência se desenvolvia. Aliás isso é algo natural. Tanto que ele mesmo, das mais de 70 obras que escreveu, autorizava, no fim de sua vida, a reedição das 7 últimas escritas.
4 - a compreensão de que orgasmo e ejaculação podem ser duas coisas distintas para o homem, e que no caso da mulher, é o controle da menstruação e não do orgasmo o foco do trabalho de transmutação. Aliás, esse último ponto é tão grave que vi várias companheiras da Gnose terem tido problemas de ordem psicológica por isso não ter ficado claro no ensino do Mestre e dos instrutores da Gnose, por completo desconhecimento das técnicas femininas de transmutação. Aliás, tais técnicas hoje podem ser encontradas no trabalho do mestre taoísta Mantak Chia.
5 - a necessidade de fazermos a nossa própria leitura da Bíblia e de outros textos sagrados e não ficar dependentes da interpretação de terceiros, mesmo que esses sejam mestres, pois precisamos buscar a nossa própria maestria, ou seja, nossa própria autonomia do pensar e do agir.
No mais reconheço, assim como tantos outros estudantes, a enorme tarefa e o enorme labor que o bodhisattwa do Mestre Samael cumpriu. Fica aqui registrado o nosso reconhecimento, nossa gratidão e nosso carinho já que trabalhamos por cerca de 8 anos dentro do Movimento Gnóstico.
Fonte: Pistas do Caminho
Nota da casa: Em muitas ocasiões eu lembro aos pagãos e aspirantes de bruxo de que a principal ferramenta que nós temos que aprender a usar está sempre acessível e gratuita: nosso corpo. Também não é novidade aos eventuais leitores que eu defendo o prazer, o desejo e o sexo como vias de iluminação, celebração e comunhão com o divino. Temos os meios, as técnicas e as ferramentas - nossos pruridos e recalques são os únicos obstáculos. Cabe a nós saber superar estes tabus e proibições.

Nenhum comentário: